Pular para o conteúdo principal

10 melhores músicas natalinas

 Alô, pessoas!

O Natal é o feriado favorito de muitas pessoas. E mesmo antes de chegar o mês de dezembro, já podemos sentir o cheirinho de panetone ou o cheirinho de poeira dos enfeites que ficam guardados com muito cuidado. É uma sensação que muitas pessoas amam e quase tudo fica melhor quando é misturado com música. Então, se você é o tipo de pessoa que gosta de arrumar sua casa para o Natal ouvindo músicas que combinam com a época ou aproveitar o clima de Natal  você está na página certa.
Vamos lá!




1- All I Want for Christmas is You (Mariah Carrey)
Dos inúmeros sucessos da cantora, esse, em especial, é o mais famoso e o mais esperado durante o ano inteiro pelos amantes do Natal. A fama dessa música deu para Mariah Carrey não um, mas três recordes no Guiness Book: música natalina com melhores números na parada americana Hot 100 por artista solo; faixa mais transmitida de uma artista feminina no Spotify em 24 horas (mais de 10 milhões de streamings em dezembro de 2018); canção de Natal que ficou mais semanas no top 10 do Reino Unido.



2-  Então é Natal (Sinome)
Uma das tradições brasileiras é ouvir essa música pelo menos em algum dia de dezembro (ou até antes). Ela é uma versão da música Happy Xmas (John Lennon), e tem uma tradução muito parecida com a letra original. Além de passar uma mensagem de paz, essa música possui um valor muito nostálgico para muitos brasileiros.

 

3- Happy Xmas (John Lennon)
A famigerada Happy Xmas foi um marco para a carreira de John Lennon e para o mundo. Na intenção de fazer uma campanha iniciada em meados de 1969 para o fim da Guerra do Vietnã (1955-1975), John Lennon lançou essa música em 1971 como uma das formas de protesto contra a guerra. Antes do lançamento da música houveram outros protestos por parte dele e de Yoko Ono.
Embora a intenção fosse um desejo para o fim da Guerra do Vietnã, a música passa uma mensagem que muitas pessoas guardam nas festas de final de ano, o que ressalta que Natal é um momento para transmitir alegria e mensagens de paz.


4- Carol of The Bells (Mycola Leontovych) 
Embora o Natal brasileiro não tenha neve, essa música faz sentir como se tivesse. É uma das músicas de Natal mais conhecidas no mundo e mais antiga do que aparenta ser. Sendo utilizada com frequência no cinema e na televisão, essa música de 1914 traduz uma típica noite de Natal no hemisfério norte, além de trazer uma certa nostalgia para que quem gosta de assistir Esqueceram de Mim em dezembro. 



5- Cozy Little Christmas (Katy Perry) 
O clipe dessa música e a música em si formam o par perfeito para uma canção de Natal moderna e diferente. Em comparação com Mariah Carrey, Katy Perry deu ao Papai Noel um dia de folga com bebidas, massagem e um dia ensolarado porque ele não precisa se preocupar em dar presentes para ela. Ambas contam o que querem no Natal, e Katy Perry quer apenas um Natal aconchegante com aquela pessoa especial. 



6- Do They Know It's Christmas? (Band Aid)
O que Band Aid, Live Aid e USA For Africa têm em comum? Todas fizeram campanhas para arrecadar dinheiro a fim de alimentar famílias em países pobres da África nos anos 80, dando destaque à Etiópia. A diferença de cada uma são os artistas e os anos em que os projetos foram colocados em prática. Em dezembro 1984, artistas do Reino Unido se juntaram e lançaram essa música arrecadar fundos. 
A letra passa uma mensagem de solidariedade, tentando conscientizar as pessoas para não se esquecerem de outras pessoas mais humildes que têm um Natal um pouco diferente justamente por serem mais humildes. 



7- Jingle Bell Rock (Bobby Helms)
Quem já assistiu Meninas Malvadas vai lembrar claramente de que música estamos falando, mas, caso não tenha assistido, não é um problema uma vez que o cinema também explora muito esse clássico. 
Ao estilo anos 50 (já que a música foi lançada em 1957), essa música convida as pessoas para dançarem e aproveitarem os sinos que estão tocando.



8- Natal Brasileiro (Jorge Ben Jor)
Muitas músicas que ouvimos com frequência nas festas de final de ano dizem muito sobre neve, Polo Norte, pudim de figo e quebra-nozes, mas essa música mostra um pouco do Natal ao estilo brasileiro, com direito a farofa, Missa do Galo, frutas tropicais e um samba. 



9- Sleigh Ride (The Ronettes) 
Essa música é bastante famosa e tem várias versões recentes. A indústria audiovisual hollywoodiana também explora um pouco da fama dessa música por ser um clássico. 
Ela traz algumas onomatopeias que lembram muito os sinos, com a repetição de jingling (tilintiando), tingling (formigando) e ring-a-ling-a ding-dong-ding (sendo um trocadilho interessante na língua inglesa). É uma música bastante cativante e divertida. 



10- Depende de Nós (Ivan Lins)
Outro clássico do Natal brasileiro que aquece os corações apaixonados pelo Natal. Essa música já apareceu em alguns discos de Natal e já foi regravada por vários artistas. A música, assim como algumas já citadas anteriormente, possui uma mensagem de paz e solidariedade, algo que combina com as festas de final de ano como um todo. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

10 músicas que fazem referências à filosofia e à sociologia

 Alô, pessoas! A filosofia e a sociologia andam praticamente de mãos dadas. Muitas ideias da sociologia se aplicam nas reflexões filosóficas a respeito do mundo e a música é um dos inúmeros exemplos que expressam essas ideias e reflexões.  Muitas músicas que conhecemos possuem letras que muitas vezes nem percebemos que estão falando de um tema abordado na filosofia ou na sociologia. Também há a questão de a música fazer referência a um filósofo ou sociólogo famoso sendo de forma intencional ou não.  Pensando nisso, reuni dez músicas que fazem referências à filosofia e à sociologia. Essas músicas podem te ajudar nos estudos dos assuntos abordados nas letras ou até citar em redações de vestibulares! Vamos lá! 10- O Mundo é um Moinho (Cartola) Um conselho importantíssimo do Cartola para todos nós. Essa música segue um pouco da lógica do filósofo Jean-Paul Sartre, um filósofo existencialista. A ideia da música e a do filósofo está voltada para a liberdade de escolha de um indivíduo. Enquan

5 músicas para entender o Arcadismo

Alô, pessoas! O arcadismo foi um movimento artístico que se baseava na valorização da natureza, da simplicipdade da vida no campo e aversão à cidade. Esse período, no Brasil, se estendeu ao longo do século XVIII e teve fim no século XIX. As músicas que você vai conhecer não são as músicas da época, e sim letras que retratam as caractéristicas comuns no arcadismo. A música durante o período do arcadismo, que também pode ser chamado de neoclassicismo , envolve a música erudita, que não é o tipo de música que será abordada aqui.  Na intenção de ajudar aquelas pessoas que precisam de ajuda para entender os movimentos literários e tem dificuldade em interpretar a poesia árcade, reuni cinco músicas que vão auxiliar no entendimento desse movimento literário tão lindo. Vamos lá! 5- No Rancho Fundo - Chitãozinho e Xororó  A relação que essa música tem com o arcadismo é que durante a letra podemos ouvir as tristezas de um vivente no campo. Em vários versos estão presentes referências à natureza

USA For Africa (1985): Quem participou?

Alô, pessoas!  Talvez você já deve ter ouvido em algum lugar alguém cantando "we are the world, we are the children", e lembrou na mesma hora de muitos cantores cantando juntos uma música que marcou uma geração e que ainda é reconhecida pela a grande ação que fez.  U.S.A For Africa é o nome de um grupo formado por muitos cantores que eram aclamados por todos durante a década de 80. Esse projeto tinha como objetivo principal arrecadar dinheiro para ajudar os vários países da África que estavam passando por uma situação ruim.  Esse projeto teve como produtor Quincy Jones, um dos maiores produtores musicais. A letra música foi composta por dois grandes artistas da época: Michael Jackson e Lionel Richie, e o clipe teve a presença de cinquenta e um artistas, incluindo os instrumentistas.  Foi uma grande iniciativa e muitos hoje olham para o clipe e dizem "eu conheço esse cantor!", mas acabam esquecendo dos outros por não conhecer o trabalho deles ou por algum