Pular para o conteúdo principal

10 músicas para começar a ouvir música clássica

Alô, pessoas! 
A música clássica é um estilo de música que algumas pessoas gostam, outras não e uma pequena parcela não conhece. É um mundo vasto que deu origem às músicas que ouvimos hoje em dia, e, por mais que não seja nossa obrigação conhecer esse mundo, é interessante ouvir alguns compositores que criaram músicas atemporais!
Não existe uma forma correta por onde começar a ouvir música, idependente do gênero, mas, caso você esteja na dúvida de qual música seria interessante de ouvir para despertar sua curiosidade, eu criei essa lista com 10 músicas de vários compossitores clássicos e tentei ao máximo não trazer as músicas que todo mundo já conhece como Für Elise, de Beethoven ou a Marcha Turca, de Mozart. 
Vamos lá!



1- Concerto para violino em Lá menor, 1° movimento - Johann Sebastian Bach
Essa música grita ''barroco'' e não é para menos! O Johann Sebastian Bach foi um grande compositor do período barroco e ele, segundo alguns especialistas, é chamado de pai da música. Ao longo de sua vida, Bach compôs muitas peças e muitas delas são bem conhecidas como seus minuetos e fugas. 
A música apresentada faz parte de um concerto e é o primeiro movimento dele. Não é uma música muito longa e é muito comovente. (Ela é tão barroca!)



2- 7ª Sinfonia, 2° movimento - Ludwig Van Beethoven
Esse movimento é um dos mais famosos atrás das outras sinfonias mais famosas (a quinta e a nona sinfonia), mas ela tem um drama e uma emoção que define muito bem a estética de Beethoven dentro do período romântico. Ele teve muitas ao longo de sua vida, mas, na minha opinião, essa peça em específico mostra que Beethoven não pode ser resumido a duas sinfonias e uma música conhecida por caixinhas de música. 
A sinfonia completa tem cerca de 40 a 42 minutos!



3- 25ª sinfonia - Wolfgang Amadeus Mozart
Das muitas sinfonias de Mozart, essa também é uma das mais famosas, sobretudo o início do primeiro movimento. O toque inicial dessa música foi utilizada por um grupo de k-pop, o Topp Dogg na música TOPDOG
Essa sinfonia completa é um pouco mais curta que a anterior, podendo ter entre 19 a 22 minutos aproximadamente.




4- Balada no. 1, op.23 em Sol menor - Frederic Chopin
Muitas obras do compositor polonês marcaram o filme O Pianista (2002), tal como o Noturno em Dó sustenido menor, mas uma das peças que marcou uma cena específica do filme e deixou muitas com lágrimas nos olhos é essa! Essa balada, assim como muitas músicas de Chopin, traduzem muito do compositor e mostram para nós a capacidade dele de misturar alegria com melancolia de uma forma muito linda e emocionante.
Na minha sincera opinião, essa é uma das peças para piano mais lindas!



5- Fantasia sobre Carmen, op. 25 - Pablo de Sarasate
Abrangendo um pouco ritmos típicos da Espanha, temos essa música, que teve como inspiração uma ópera de Georges Bizet chamada Carmen
Há determinadas partes dessa peça que mostram traços da ópera de Bizet, como a ária Habanera, muito conhecida em versão instrumental graças à cena da rotina do Sr. Fredericksen em Up - Altas Aventuras (2009).
 

6- Préludio no. 5 em Sol menor, op.23 - Sergei Rachmaninoff
Essa música é impressionante! Quando vemos um pianista tocar essa peça, imaginamos ser impossível tocá-la, e essa é a estética de Rachmaninoff: músicas lindas, emocionantes, com drama e que deixam muito pianista animado para tocá-la. 
Não apenas essa música, mas muitas outras para outros instrumentos têm um capricho indescritível que não se encontra em mais nenhum compostior, tornando Rachmaninoff um compositor único (assim como outros compositores, que também possuem suas características únicas).


7- Sonho de Amor (Liebestraum) no. 3 - Franz Liszt
Embora seja uma música para ser tocada no piano e sem senhuma letra, ela prórpia diz tudo sobre o que é um sonho. Essa música é doce, é calma e nos conta, sem utilizar palavras, um sonho de amor muito bonito.
Liszt é conhecido por suas música rápidas e muito complicadas de tocar, essa música não é diferente, mas, apesar de exigir um pouco de técinica de quem está tocando, é quase impossível demonstrar estresse ao tocar e ao ouvir essa música.


8- Bachianas Brasileiras no. 5: Dança (Martelo) - Heitor Villa-Lobos
Uma composição brasileira de um dos maiores compositores eruditos do Brasil! Villa-Lobos ficou conhecido por causa das suas Bachianas Brasileiras, sobretudo a quinta, mas vamos dar destaque para algo que quase não se ouve todo dia: canto lírico em português.  
Essa música é cantada por uma cantora soprano e ela possui a letra em português e, se você se concentrar bem, dá para entender o que ela diz. 



9- Valsa da Bela Adormecida - Piotr Ilitch Tchaikovsky 
Não, você não leu errado! A valsa por trás da clássica música do filme da Disney, de mesmo nome está aqui e é de Tchaikovsky, um grande compositor russo, responsável por compor peças dos balés mais conhecidos do mundo como O Quebra-nozes, Lago dos Cisnes e, claro, A Bela Adormecida



10- O Carnaval dos Animais: final - Camile Saint-Saëns 
Deixei a última música guardada para o grand finale, literalmente! Essa música faz parte de um concerto chamado "O Carnaval dos Animais" (Le Carnaval des Animaux), onde cada música representa um animal, sendo a mais famosa a suite do cisne. Essa música esteve presente no filme Fantasia (2000), da Disney. 
Saint-Saëns foi um compositor francês e uma das mentes por trás do impressionismo dentro da música. 






Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

10 músicas que fazem referências à filosofia e à sociologia

 Alô, pessoas! A filosofia e a sociologia andam praticamente de mãos dadas. Muitas ideias da sociologia se aplicam nas reflexões filosóficas a respeito do mundo e a música é um dos inúmeros exemplos que expressam essas ideias e reflexões.  Muitas músicas que conhecemos possuem letras que muitas vezes nem percebemos que estão falando de um tema abordado na filosofia ou na sociologia. Também há a questão de a música fazer referência a um filósofo ou sociólogo famoso sendo de forma intencional ou não.  Pensando nisso, reuni dez músicas que fazem referências à filosofia e à sociologia. Essas músicas podem te ajudar nos estudos dos assuntos abordados nas letras ou até citar em redações de vestibulares! Vamos lá! 10- O Mundo é um Moinho (Cartola) Um conselho importantíssimo do Cartola para todos nós. Essa música segue um pouco da lógica do filósofo Jean-Paul Sartre, um filósofo existencialista. A ideia da música e a do filósofo está voltada para a liberdade de escolha de um indivíduo. Enquan

5 músicas para entender o Arcadismo

Alô, pessoas! O arcadismo foi um movimento artístico que se baseava na valorização da natureza, da simplicipdade da vida no campo e aversão à cidade. Esse período, no Brasil, se estendeu ao longo do século XVIII e teve fim no século XIX. As músicas que você vai conhecer não são as músicas da época, e sim letras que retratam as caractéristicas comuns no arcadismo. A música durante o período do arcadismo, que também pode ser chamado de neoclassicismo , envolve a música erudita, que não é o tipo de música que será abordada aqui.  Na intenção de ajudar aquelas pessoas que precisam de ajuda para entender os movimentos literários e tem dificuldade em interpretar a poesia árcade, reuni cinco músicas que vão auxiliar no entendimento desse movimento literário tão lindo. Vamos lá! 5- No Rancho Fundo - Chitãozinho e Xororó  A relação que essa música tem com o arcadismo é que durante a letra podemos ouvir as tristezas de um vivente no campo. Em vários versos estão presentes referências à natureza

USA For Africa (1985): Quem participou?

Alô, pessoas!  Talvez você já deve ter ouvido em algum lugar alguém cantando "we are the world, we are the children", e lembrou na mesma hora de muitos cantores cantando juntos uma música que marcou uma geração e que ainda é reconhecida pela a grande ação que fez.  U.S.A For Africa é o nome de um grupo formado por muitos cantores que eram aclamados por todos durante a década de 80. Esse projeto tinha como objetivo principal arrecadar dinheiro para ajudar os vários países da África que estavam passando por uma situação ruim.  Esse projeto teve como produtor Quincy Jones, um dos maiores produtores musicais. A letra música foi composta por dois grandes artistas da época: Michael Jackson e Lionel Richie, e o clipe teve a presença de cinquenta e um artistas, incluindo os instrumentistas.  Foi uma grande iniciativa e muitos hoje olham para o clipe e dizem "eu conheço esse cantor!", mas acabam esquecendo dos outros por não conhecer o trabalho deles ou por algum